CImaGeo - Central de Imageamento Geofísico

História

A CImaGeo foi criada para suprir a demanda por empresas com capacidade de processar dados sísmicos com pequenos volumes e baixo custo de processamento, os quais não são de interesse para as grandes companhias que executam esse tipo de serviço, em especial com dados terrestres.

Sua sede é em Natal, no estado do Rio Grande do Norte, Brasil.

Conta com a participação de geofísicos e profissionais de informática com grande experiência em processamento de dados sísmicos terrestres 2D e 3D, adquiridos com fontes explosivas ou de vibradores, com linhas retas ou tortuosas, em especial das bacias brasileiras do Acre, do Solimões, do Amazonas, do Parnaíba, Potiguar, do Recôncavo, do São Francisco, Sergipe Alagoas e do Paraná, e também de bacias sedimentares da República do Sudão, no continente africano.

Além dos geofísicos com especialização em processamento de dados sísmicos, a CImaGeo conta com a participação de geofísico com ampla experiência em supervisão de aquisição, de processamento e interpretação regional e de detalhes de dados sísmicos de praticamente todas as bacias sedimentares brasileiras e de dados de diversos outros países das Américas e do continente africano, além de vasta experiência no treinamento de geofísicos e grande conhecimento dos problemas e soluções das correções estáticas.

O corpo técnico é formado por um Doutor em Geofísica com mais de trinta anos de experiência em aquisição, controle de qualidade da aquisição e processamento, supervisão de processamento e interpretação de dados sísmicos marítimos e terrestres 2D e 3D, Mestres em Geofísica com vasto conhecimento no processamento de dados sísmicos terrestres e um Especialista em Informática, cursando o mestrado em Geofísica.

Conta também com a consultoria de diversos geofísicos com ampla experiência teórica e prática dos problemas da propagação das ondas, atenuação de ruídos e múltiplas e de técnicas especiais de processamento de dados sísmicos.

Voltar